25 de maio de 2016

SÉRIES | Saving Hope




[2012 | IMDB: 7,5/10] 
Depois de Grey's Anatomy e de The Night Shift esta foi a série que se seguiu neste género. É, definitivamente, diferente! E isso admito que me surpreendeu. Este tipo de séries, apesar de ter como ponto central a vida de médicos, cada uma delas tem algo que as torna diferentes. Aqui, essa diferença está nos fantasmas que acompanham uma das personagens principais - Charlie Harris - desde o momento em que ele saiu do coma. 
Na primeira temporada assistimos à luta da Dra. Alex Reid, noiva de Charles, em fazer de tudo para que ele saia do coma e, durante todo esse tempo, ele acaba por vaguear pelo hospital, ajudando outros fantasmas a seguir em frente. Depois, quando ele volta à realidade, depara-se com o facto de ser a única pessoa que consegue comunicar com os fantasmas que andam pelo hospital. Ou pelo menos, é o que achamos, até ver o decorrer da série... 
Mas, além desse drama principal, claro está que temos as outras personagens que nos envolvem igualmente nas suas vidas e nas vidas dos seus pacientes. Tive episódios em que me ri bastante e noutros também deixei cair umas lágrimas. De momento, encontra-se em pausa e só quero que cheguem novos episódios pois o final da 4ª temporada foi muito forte! Ficaram dúvidas no ar sobre o futuro de algumas das personagens e odeio quando isso acontece :p Se quiserem mais informações sobre a série, podem clicar aqui.
Não se esqueçam de participar no passatempo do aniversário do blog, aqui!