29 de março de 2016

LIVROS | O Homem que sonhava ser Hitler

2010 | Tiago Rebelo

[Escala pessoal: 8/10]

Sinopse (aqui)

No pátio das traseiras de um prédio de um pacífico bairro de Lisboa, uma criança é atacada por três homens e deixada em coma. Ao investigar o que inicialmente se supõe ser um mero acto de cobardia de um grupo de cabeças-rapadas que resultou em tragédia, as autoridades vão descobrir uma gigantesca conspiração que prova que, nunca como hoje, a democracia e o estado de direito estiveram tão ameaçados em Portugal. Neste surpreendente romance, Tiago Rebelo abre-nos a porta dos fundos do lado mais obscuro da política nacional dos nossos dias, onde nada é o que parece ser e onde se desenrolam acontecimentos extraordinários que colocam em perigo toda a sociedade, sem que esta se aperceba do que está realmente a acontecer. O inspector-chefe, António Gaspar, da Polícia Judiciária, leva a cabo uma investigação, que, a cada passo, ameaça a sua vida e a da mulher que ama,a ex-namorada que ele procura recuperar no desvario dos dias perigosos que põem em risco a nação.

Opinião

Nunca tinha lido nada de Tiago Rebelo e, quando a minha R. decidiu vender alguns livros dela, este foi um dos que comprei. Acabei por ler outros antes deste por não me sentir tentada a lê-lo. Ou era pela capa. ou pelo título, ou pelo facto de não conhecer a escrita... lá acabou por ficar abandonado até não haver mais nada de novo para ler. Mas, a verdade é que, depois de umas páginas, já estava rendida à história! Estava rendida à escrita, às personagens e à curiosidade em saber como é que tudo se iria desenrolar. Aqui lê-se sobre o poder político, a ânsia de determinadas pessoas em chegar cada vez mais longe e a busca por descobrir o que aconteceu a uma criança. Inicialmente procuram-se respostas para um caso e, a determinado momento, já estamos envolvidos noutro relacionado com a corrupção e a conspiração para atingir um lugar de destaque na política.

É um livro que, apesar da dureza dos acontecimentos e da maior parte das personagens que o compõem, também consegue ter o lado humano e o lado sentimental. Há uma relação que terminou, mas que nunca se desligou dos sentimentos e que agora ganha uma nova força. Será que tudo isto será suficiente para que vida dê uma nova oportunidade a este amor?

Gostei mesmo muito do livro e lê-se muito bem! A escrita é bastante simples e de fácil compreensão o que faz com que, sem nos darmos conta, já tenhamos devorado umas quantas páginas de forma rápida! Foi, sem dúvida, uma boa descoberta e tenho a certeza de que irei ler mais algumas obras de Tiago Rebelo. Vocês já leram?